Da Assessoria

O prefeito eleito de Maracaju Marcos Calderan se reuniu na tarde desta segunda-feira, dia 30, pela primeira vez com o Conselho Municipal da Prevmmar.

A reunião aconteceu na sede da Prevmmar, na pauta foi apresentado ao prefeito as informações da situação atual da previdência em Maracaju. Estiveram presentes a Diretora Executiva Roseli Bauer, membros do Conselho Fiscal e Conselho Curador.

A pauta consistiu em falar sobre os novos desafios dos conselheiros e as contrapartidas da previdência da prefeitura para o ano de 2021 também foi apresentado um resumo de dados até 30/10/2020, dos recursos da previdência municipal.

“Estamos muito confiantes e esperançosos de que vamos iniciar o ano trabalhando muito, queremos transparência e nesse período de transição vamos avaliar todos os dados, temos interesse em manter o que está funcionando e melhorar ainda mais na nossa gestão municipal”, disse Marcos Calderan

A diretora executiva também solicitou ao prefeito que seja mantido o processo de escolha da nova diretoria da previdência municipal que só deverá acontecer em 2021, através de eleição com direito a indicação de três nomes pelo poder executivo. Roseli Bauer fez solicitações de outras demandas, assim como elaborou uma carta compromisso para assinatura do prefeito eleito.

A carta assinada pelo prefeito eleito Marcos Calderan diz o seguinte: “requeremos ao Prefeito Eleito Marcos Calderan, que observe e siga a Legislação 1.892/2017, e que nos de sua autorização, a dar seguimento a este trabalho, que culminará na escolha dos diretores conforme prescrito em lei no próximo ano, observando o prescrito na Lei 1.892/2017”.

O prefeito frisou a importância de saber da situação de cada instituição, dentre elas a Prevmmar para a efetivação das políticas públicas previdenciárias e dar andamento e continuidade aos trabalhos sem interrupção. Calderan colocou-se à disposição da mesa diretora do Conselho da Prevmmar para outras reuniões.

Segundo dados informados a carteira de investimentos com fundos previdenciários fechou mês de outubro com saldo R$75.303.001,22; o fundo de despesas administrativas (2%) com saldo de R$291.827,40; o fundo reserva administrativa com saldo de R$174.512,52; total de recursos aplicados do instituto, é de R$75.769.341,14 até o final de outubro.