Politicando – Com Jota Menon – Edição 954

MÃO NA GRANA

Durante as investigações que prepararam a operação Pés de Barro da Polícia Federal (PF), que apura suspeitas de superfaturamento em obras no interior da Paraíba, os investigadores flagraram Evani Ramalho, secretária parlamentar do deputado federal Wilson Santiago (PTB-PB), recebendo duas remessas de R$ 50 mil do empresário George Barbosa.

 

MUITO IRRITADO

Poucas coisas irritaram tanto Paulo Guedes nos últimos tempos quanto ter visto o nome de seu assessor especial Esteves Colnago na lista de denunciados na Operação Greenfield. Um detalhe, em especial, o enfureceu. O Ministério Público Federal protocolou a denúncia um dia antes de Guedes promover Colnago ao atual posto. Até então, ele era secretário-adjunto de Fazenda.

 

MUITO IRRITADO (1)

Segundo a coluna de Lauro Jardim, em O Globo, Guedes tem certeza de que alguém de dentro do governo contou aos procuradores sobre a promoção de Colnago e que o MP escolheu a data a dedo para tentar impedir a posse. Jardim registra, ainda que Guedes também é investigado pela mesma Operação Greenfield.

 

BOLSONARO NOS EUA

O Itamaraty prepara a primeira viagem de Jair Bolsonaro para os EUA em 2020, prevista para acontecer entre fevereiro e março. Sem encontro programado com Donald Trump, Bolsonaro irá a Miami e deve dar uma esticadinha até Dallas. A agenda prevê reuniões com representantes da comunidade brasileira na Flórida e encontros para atrair investidores estrangeiros para projetos de infraestrutura concedidos à iniciativa privada no Brasil. Em entrevista, o presidente chegou a dizer que iria aos EUA para ser apresentado à tecnologia de “transmissão de energia elétrica sem meios físicos”.

 

BRASIL QUE EU AMO!

O TCE-MS (Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul) divulgou, no Diário Oficial da última  sexta-feira (10), portaria n.º 41 contendo a lista de pontos facultativos decretados para o ano de 2020. Ao todo, servidores da Corte de Contas contarão com nove feriadões prolongados, resultantes de pontos facultativos estabelecidos para antes ou depois de datas oficiais, que iniciam já próximo mês, e por feriados que caem vizinhos aos finais de semana.

 

BEM AVALIADOS

De Mato Grosso do Sul, os ministros da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e da Agricultura, Tereza Cristina, ambos do DEM, lideram o ranking dos mais bem avaliados pelos parlamentares, em pesquisa feita pela consultoria Arko Advice e publicada pela Revista Veja na última sexta-feira (10).

 

BEM AVALIADOS (1)

Os dois receberam média 3,6, em uma avaliação que deu notas de 0 a 5 para 11 dos 22 ministros do governo de Jair Bolsonaro. Entre 10 e 17 de dezembro de 2019, 96 congressistas de 20 partidos foram ouvidos. Antes de ser ministro, Mandetta foi deputado federal e a articulação com o Congresso foi destacada como um dos fatores para a nota.

 

VIVA O PORCO!

Na Copinha não dá para acompanhar aqui na Coluna. Então, fica o registro do meu “Viva o Porco” para que não percamos o costume!